sexta-feira, 12 de maio de 2017

O valor da Obediência na Vida Contemplativa


A vida religiosa de natureza exclusivamente contemplativa, eremítica, silenciosa e recolhida, longe do barulho das cidades e paixões humanas, deve necessariamente se alicerçar no Voto da Obediência. 

A Obediência entendida como a grande virtude de submeter a vontade própria à vontade de Deus e a vontade do Superior. 

Cristo Nosso Senhor obedeceu até a morte e morte de Cruz!

Nós, que vivemos a vida da graça no deserto, na solidão e no silêncio, devemos nos entregar alegremente à obediência à Deus, aos superiores, aos Santos Padres, aos Santos Doutores, aos 260 papas que nos guiaram até aqui e aos 20 concílios ecumênicos até o Vaticano I. 

É necessário obedecer. Ser fiel. Perseverar. Combater o bom combate. Guardar a Fé. 

E jamais dar ouvido às novidades que destroem a Fé e comprometem a salvação eterna.

Nenhum comentário:

Postar um comentário