terça-feira, 6 de junho de 2017

O homem de vida interior


O homem de vida interior não perde seu tempo com as coisas do mundo. Sabe que a amizade deste mundo é inimiga de Deus. Sua vida é recolhida. Afastada das dissipações do espírito. Vive para o Amado. Não quer outro bem que não seja Deus. 

Não se perde nas vaidades desta vida nem dá atenção as glórias deste mundo. Vive sua vida escondido em Deus. Nada lhe desagrada mais que ter que se ocupar, vez por outra, do próprio sustento ou da saúde. 

Vive o silêncio como uma grande graça que nunca deve ser desperdiçada. Bebe até a ultima gota da Água viva que vem do Espirito Santo de Deus e que transborda na sua vida interior. Ele vive da Trindade. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário