segunda-feira, 12 de junho de 2017

Vita abscôndita



Só há verdadeira vida interior quando a alma busca somente a glória de Deus, esquecida de si mesma, e absorta apenas na visão do Amado.

“Vita vestra est abscôndita cum Christo in Deo” Col. III, 3.

Assim, escondida em Deus, recolhida, longe do barulho do mundo e das paixões, na solidão de sua cela, a alma busca a Deus somente e só a Ele deseja.

Não se incomoda com as intempéries que cercam o corpo ou a alma. Não busca consolações. Se oferece como vitima de holocausto.

Segue, silenciosamente, adorando a Deus, bendizendo seu Santo Nome, glorificando o Pai, o Filho e o Espírito Santo que habita o mais intimo de sua alma.


Essa é a verdadeira vida interior. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário